Frigorífico BRF é condenado em R$ 10 milhões

Curitiba – A BRF (Brasil Foods), detentora das marcas Sadia e Perdigão, foi condenada, em primeira instância, a pagar R$ 10 milhões por irregularidades no meio ambiente de trabalho de sua planta no município de Toledo, no Paraná. Essa é a primeira sentença no Brasil a restringir a quantidade de movimentos que o trabalhador faz por minuto, tendo como objetivo estabelecer um ritmo saudável de atividades. A sentença decorre de uma ação do Ministério Público do Trabalho no Paraná (MPT-PR) em Cascavel.

Continue Lendo

Imprimir

"Seminário NR 35 – Trabalho em Altura" realizado em SC é recorde de público

São José - Terminou na última sexta-feira, em São José, na Grande Florianópolis, sendo considerado sucesso de público,  o Seminário NR 35 – Trabalho em Altura .”Em nenhum lugar do Brasil por onde já passei ministrando palestras, os organizadores conseguiram reunir tantos participantes em um  evento sobre a NR 35”. A declaração é do gerente do Centro de Exames de Qualificação da  Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção  (Abendi), formado em Tecnologia de Fabricação Mecânica, Marcelo Neris de Santana, que falou sobre as normas regulamentadoras voltadas à atividade de acesso por corda aos mais de 500 participantes do evento.

Continue Lendo

Imprimir

MPT oferece serviço de peticionamento eletrônico

Florianópolis - O serviço de “Peticionamento Eletrônico” já está disponível nos sites das regionais do Ministério Público do Trabalho (MPT) em todo Brasil. Além de ampliar o acesso do cidadão a informações de interesse público, o sistema garante mais celeridade à tramitação interna de documentos e procedimentos.

Continue Lendo

Imprimir